Minha Tattoo e Significados

0 Flares 0 Flares ×

Olá!

Vim contar uma “9dade à Solta” para vocês que tenho certeza que vão começar a me perguntar nos próximos vídeos: tenho uma tatuagem no antebraço direito, perto do punho. A tattoo foi feita pela Juliana Chislu (facebookinstagram). Sempre que desenhar ou escrever, me trará inspiração e tranquilidade. 🙂 Tudo aqui tem muito significado pra mim, já que eu vivo trabalhando com poética em tudo o que eu faço. ♥

Vamos lá?

Para quem me acompanha há um bom tempo por aqui, deve estar cansada de ouvir sempre o meu famoso “Let it Flow” ou traduzindo, “Deixe Fluir”. Pois a cada dia, ele me faz muito sentido pra vida criativa e vida pessoal, onde aos poucos vou aprendendo diariamente de vários jeitos como também meios para lidar melhor (na falta de nascermos com um manual haha). ♥

praiaanablue

Desde minha infância, vivi em psicóloga porque foi dolorido e complicado por ter sofrido bullying, ser tímida e possuir um emocional complexo demais, e sempre ouvia dela a seguinte história:

“Ana, às vezes na vida você precisa ser flexível e se mover à favor do vento, como o Bambú faz. Se ele não o fizesse ele quebraria e não conseguiria se manter por muito tempo. As ondas do mar também podem ser um ótimo exemplo para isso, além de trazer tranquilidade.”

O mais ‘engraçado’ (vejo muito como respostas que se encontram no momento certo que o destino nos deixa), quando cresci e já estava entrando na faculdade, vi uma amiga lendo um livro que a capa me interessou (pra variar tinha água na capa e eu adoro essa ideia da água). E a capa dele estava escrito “Flua”, era um livro de auto-ajuda que me trouxe um ponto de vista interessante para começar a usar por aí… Relaxa ai, que não foi por esse motivo aqui não, ainda.

Passou um tempo, época de TCC eu não sabia o que fazer da minha vida e muitos experimentos de aquarela e contornos na minha vida, tive um conhecimento maior de ambas as técnicas e fiz um curso com a adorável Catarina Gushiken, que me inspira até hoje. ♥ Com ela, aprendi que eu focava muito, que queria acertar o desenho logo de primeira e que isso me travava, chegava à ponto de me dar bloqueio criativo. E foi a Cata que me falou a 1ª vez dentro da arte para “aprender a fluir”. Outra pessoa também que atualmente me disse o mesmo foi a Elizabeth Gilbert, neste livro aqui.

tumblr_muhc6jdHiX1qmggloo1_1280

Outro significado que aprendi com a vida pessoal foi no amor: expectativas, idealizações, ansiedade e ciúmes. Sempre tive uma certa dificuldade com as duas primeiras. Ciúmes eu nunca tive haha, nessa questão sou bem solta. Mas relacionamentos precisam de espaço e de serem fluídos. Os que eu me enfiava, todos queriam “me ter” e eu me sentia um passarinho preso. Cada um, é inteiro e único. Não tem essa de ‘metade da laranja’ pf né.

Depois de um tempo, pela curiosidade (sempre a curiosidade 😀 ) e fuçando em fundamentos teóricos no meio da arte, descobri que gosto de muita coisa da Renascença e outras épocas (ainda mais aquelas que tem um ar amorzinho dentro da história da moda), e um dos elementos que me atraíam dentro da época de Da Vinci (ô cara foda esseaí), a Caligrafia Copperplate que estava presente nas minhas séries da Jane Austen ♥ deu mais sentido à minha vida artística, à minha arte e sua poética. No momento, ando com estudos pessoais tentando encaixar frases e aquarelas juntas, já que nem sempre é uma tarefa fácil. Como também, a foto da capa deste post: realizo intervenção de arte manual (aquarela+caligrafia) com minhas próprias fotos. 🙂

Enfim, a caligrafia entrou na minha vida bem na época em que eu precisava encontrar um certo equilíbrio e enxergar a vida mais leve, ser mais fluída. O que me ajudou muito em minha própria arte: a de escrever e expressar. ♥ Fazer caligrafia não é tão simples quanto parece: precisa ter firmeza na mão mas também precisa ser solta e leve, sem tremer! hahaha… O que eu comecei a alcançar com 1 ano de treino. E agora faço meu projeto pessoal anual, um meio que encontrei para me incentivar: #CaligrafiaCopperplateAnaBlue onde escrevo diariamente agora em 2016, ou seja, com 366 dias. 🙂

Portanto, a minha tatuagem não é uma fonte retirada da internet. É o fruto do meu próprio estudo que eu eternizei. É a minha própria letrinha minúscula que finalmente se desenvolveu. É uma Caligrafia Copperplate. ♥ PS: Dela, também se originou o meu logotipo, sabia? 😉

PS: todas as fotografias deste post são de minha autoria. Exceto a tirinha que é do Mateus Gandara.

Logotipo Definido - Escolhido

 

1 Comment

  1. Eu sempre tenho expectativas boas das coisas que desejo e acredito que sempre que mentalizo o que quero as coisas acontecem de forma natural e do modo certo, Amei seu site, simplesmente perfeito.

Deixe uma resposta

CommentLuv badge